• Português
  • English
  • Español
  • French
  • Deutsch
---

Wine Moments

---
Home / A Região / Os Vinhos
A+ R A-

Os Vinhos

Dar nota para este item
(1 K2_VOTE)

Os Vinhos

Na Região Demarcada do Douro podemos encontrar dois grandes tipos de vinhos: Vinho do Porto e Vinho Douro.

O Vinho do Porto é um vinho licoroso que se distingue pela enorme riqueza e intensidade de aroma incomparáveis, persistência muito elevada de aroma e sabor, teor alcoólico elevado (19 a 22% vol.) numa vasta gama de doçuras e cores.

Os Vinhos do Porto podem ser divididos em duas categorias consoante o tipo de envelhecimento.
  • Estilo Ruby – vinhos em que se procura suster a evolução da sua cor tinta, mais ou menos intensa, e manter o aroma frutado e vigor dos vinhos jovens. Engloba as categorias Ruby, Reserva, Late Bottled Vintage (LBV) e Vintage.
  • Estilo Tawny - Obtido por lotação de vinhos de grau de maturação variável, conduzida através do envelhecimento em cascos ou tonéis. São vinhos em que a cor apresenta evolução e os aromas lembram os frutos secos e a madeira. As categorias existentes são: Tawny, Tawny Reserva, Tawny com Indicação de Idade (10 anos, 20 anos, 30 anos e 40 anos) e Colheita. Quando são engarrafados estão prontos para serem consumidos.

Vinhos Douro

São produzidos a partir de castas autóctones como a Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinta Barroca e Tinto Cão (tintos) ou Malvasia Fina, o Viosinho, o Gouveio e o Rabigato (brancos). A grande maioria dos vinhos resulta de um lote de várias castas, com uma complexidade e riqueza ímpares, que lhes imprimem um perfil característico do Douro.
Os brancos são um bom acompanhamento de pratos de peixe, saladas, podendo ainda ser bebidos como aperitivos e devem ser consumidos a uma temperatura entre os 8º e os 10 ºC. Os tintos têm boa profundidade de cor e aromas complexos e intensos. Quando novos é comum surgirem notas de frutos pretos, chocolate, balsâmicas, violeta e madeira, sendo vinhos de grande estrutura e com taninos persistentes. Uma parte significativa dos vinhos de guarda produzidos no Douro apresenta no rótulo a designação Reserva ou Grande Reserva.

Os vinhos rosados são produzidos a partir de uma maceração ligeira de uvas tintas, apresentam uma bela cor rosada e exuberantes aromas jovens de framboesa, cereja e rebuçado. Devem ser consumidos enquanto jovens (1 a 2 anos) e servidos ligeiramente frescos, entre 10º e 12º C.
Com menos expressão dos que os restantes vinhos, podemos ainda encontrar, sobretudo nas zonas mais altas, produtos com características particulares como o Moscatel do Douro, o Espumante do Douro (VEQPRD) e vinho novo (vinho da última vindima), bem como o Colheita Tardia, elaborado com uvas em sobrematuração por acção da podridão nobre.


Galeria de imagens

Clique para abrir a imagem!
Clique para abrir a imagem!
A Nossa Equipa

A Nossa Equipa


A vinha é a nossa herança ... o Vinho o nosso presente ... o enoturismo o nosso futuro!


E-mail: Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar
Mais nesta categoria! « A Vinha