• Português
  • English
  • Español
  • French
  • Deutsch
---

Wine Moments

---
Home / A Região / A Vinha
A+ R A-

A Vinha

Dar nota para este item
(1 K2_VOTE)
A Vinha

Para a instalação da vinha na região houve que recorrer a técnicas de armação do terreno nas zonas de maiores declives. Cultivada essencialmente nas encostas que acompanham o rio Douro e seus afluentes, a vinha pode ser: tradicional, com terraços ou socalcos suportados por muros em pedra; mecanizada, através de patamares horizontais (uma ou duas linhas) ou vinha ao alto, em que as linhas estão dispostas no sentido do maior declive.

A vinha assume maior importância no Baixo Corgo, onde ocupa cerca de 29,9% da área desta sub-região, que se estende desde Barqueiros na margem Norte e Barrô na margem Sul até à confluência dos rios Corgo e Ribeiro de Temilobos com o Douro. O Cima Corgo estende-se para montante até ao Cachão da Valeira, tendo menor importância a área cultivada de vinha. O Douro Superior prossegue até à fronteira com Espanha.

A área efectiva de vinha é de cerca de 18,3 % da área total, a qual é trabalhada por aproximadamente 33.000 viticultores, possuindo cada um deles em média cerca de 1 ha de vinha. As pequenas parcelas estão presentes em toda a região, localizando-se as grandes explorações sobretudo no Douro Superior.

No que diz respeito aos solos, na sua maior parte são derivados de xisto, com elevada quantidade de pedras grosseiras, tanto à superfície como no perfil, o que confere protecção contra a erosão hídrica, boa permeabilidade às raízes e à água e elevada absorção de energia radiante com consequências positivas na maturação e na diminuição da amplitude térmica diurna.


A Nossa Equipa

A Nossa Equipa


A vinha é a nossa herança ... o Vinho o nosso presente ... o enoturismo o nosso futuro!


E-mail: Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar
Mais nesta categoria! « História Os Vinhos »